reviews literárias

Review: O Cão dos Baskervilles - Arthur Conan Doyle

19:48Ana Mansilha

Olá pessoal, tudo bem?

Mais um clássico de Sir Arthur Conan Doyle lido e com muito agrado.




Sinopse: 
Há cinco séculos que o Solar dos Baskervilles alberga a família Baskerville. Quando o senhor da casa, Hugo Baskerville, aparece morto, com indícios de ter sido atacado selvaticamente por um animal, surge a lenda de que a propriedade é habitada por um cão negro, diabólico, que lança fogo pelos olhos e pela boca. Todos temem o terrível animal, e quem se atreve a aproximar-se da charneca junto ao solar onde a besta domina, morre. E é o que acontece a Sir Charles Barkerville, que aparece morto. A morte é desde logo atribuída ao cão que espalha o terror pelas redondezas. O novo senhor do Solar, Henry Baskerville, sobrinho de Sir Charles, decide então recorrer a Sherlock Holmes para resolver o mistério que envolve a morte do tio. 
Com a sua habitual argúcia, Holmes parte para o Solar, juntamente com o inseparável Doutor Watson, para procurar descobrir o misterioso animal e tentar impedi-lo de matar mais alguém, pois o perigo espreita em todo o lado.

Opinião: Esta é uma história que logo pela sinopse aguça a curiosidade, mais um caso para Holmes deslindar.
Quando lemos "O Cão dos Baskervilles" imaginamos aquela Grã-Bretanha e toda a gente pensa que ela é, fria, chuvosa e obscura. E para quem, tal como eu, procurou ver o filme é isso mesmo que mostra.
No entanto tudo faz parte do cenário e afinal de contas é todo aquele ambiente que confere à história o seu mistério e a sua fantasia.
A trama é passada em Londres e depois no mansão Baskerville, que é onde tudo acontece. Soa a lenda que a família é assombrada por um cão que irá matar todos os Baskervilles que viverem naquele sítio, mas afinal de contas tudo se vem a desvendar da melhor forma possível e com a quebra da "maldição".
Quanto às personagens, todas muito misteriosas e muito interessantes, desde ao Dr. Mortimer até ao Mordomo Barrymor e a sua esposa, até os Stapletons mostram ser pessoas peculiares.
Quanto a Holmes, esse tão bem conhecido mostra mais uma vez que a sua esperteza e sagacidade nunca esmorecem e resolve tudo, mesmo no limite do perigo mais uma história.

Espero realmente, no futuro voltar a ter a oportunidade de ler mais Sir Doyle, pois a escrita dele é deveras interessante e peculiar.

NOTA: 3.7 / 5

Próximo livro: A Guerra dos Tronos - George R.R. Martin


Obrigada pela leitura, espero ver-vos por aí. Passem pelo facebook e não se esqueçam de subscrever o blog para muitos mais. Beijinhos, Ana.

You Might Also Like

0 comentários