I

23:43Ana Mansilha

Ainda tenho o teu cheiro no meu roupão,
Desde aquela vez em que ficas-te deitado no meu ombro...
E eu...
Eu acariciava-te o rosto, olhava-te de soslaio e tirava-te a medida do nariz.
Tens um nariz lindo!!
Sonho com o dia em que possas descansar da exaustão do teu dia,
No meu roupão...
No meu ombro...
Onde te possa acariciar o rosto...
Porque não ficas sempre?
Sinto a tua ausência...
Só queria que o teu cheiro se calasse na minha cabeça!
Que o amor se quebrasse e fosse mais fácil...
Só queria que fosse mais fácil!
 

You Might Also Like

2 comentários